Dissertation Writing service Buy Dissertation Online essay writing service cheap essay writing Engenharia da Computação | Unidade Acadêmica de Belo Jardim
 

Engenharia da Computação

Atenta às demandas sociais, econômicas e culturais de Pernambuco e, em especial, da Região do Agreste do referido estado, a UFRPE através da Unidade Acadêmica de Belo Jardim (UABJ), cria o curso de Bacharelado em Engenharia de Computação. O curso irá permitir uma dupla titulação ao estudante ingressante: Bacharel em Engenharia de Computação e Tecnólogo em Redes de Computadores. Além disso, sua proposta pedagógica orienta-se por uma concepção ativa dos processos de ensino e aprendizagem, incorporando metodologias que incentivam a criatividade e autonomia dos estudantes. Neste sentido, destaca-se o ensino híbrido e a realização de projetos interdisciplinares por meio da Problem Based Learning – PBL em diferentes etapas do curso.

 

OBJETIVO GERAL

Formar engenheiros de computação com perfil generalista, humanista, crítico e reflexivo, capacitados a absorver e desenvolver novas tecnologias, estimulando a sua atuação crítica e criativa na identificação e resolução de problemas, considerando seus aspectos políticos, econômicos, sociais, ambientais e culturais, com visão ética e humanística, em atendimento às demandas da sociedade.

 

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

  • Estimular, ao longo do curso, a criticidade, a criatividade, o trabalho multidisciplinar, iniciativa e liderança, dentre outras atitudes;
  • Incentivar a criação e o fortalecimento de uma cultura de desenvolvimento de soluções e serviços de computação no Nordeste, e mais especificamente do estado de Pernambuco;
  • Produzir conhecimento técnico e científico para as organizações da região por meio de parcerias com empresas locais, ONGs, instituições públicas/privadas, e projetos de pesquisa e de extensão, que exaltem a capacidade produtiva dos profissionais da região;
  • Formar profissionais capacitados para exercer a profissão de Engenheiro de Computação e de Tecnólogo em Redes de Computadores, respeitando os princípios éticos e científicos que comandam a profissão;
  • Formar profissionais conscientes da necessidade de contínua atualização profissional.

 

CAMPO DE ATUAÇÃO PROFISSIONAL

Bacharelado em Engenharia da Computação

  • Desenvolver soluções computacionais aplicadas nas mais diversas áreas (segurança cibernéticas, comunicação, automação industrial e comercial, inteligência artificial, biomedicina);
  • Desenvolver sistemas de computação embarcados em aviões, satélites e automóveis para realizar funções de controle;
  • Carreira acadêmica, atuando em Centros de Pesquisa e IES.

Tecnólogo em Redes de Computadores

  • Empresas de planejamento
  • Desenvolvimento de projetos
  • Assistência técnica e consultoria
  • Empresas de tecnologia
  • Empresas em geral (indústria, comércio e serviços)
  • Organizações Não-Governamentais
  • Órgãos Públicos
  • Institutos e Centros de Pesquisa
  • Instituições de Ensino

 

ESTRUTURA CURRICULAR

O curso de Bacharelado em Engenharia de Computação será na modalidade presencial e funcionará em período integral, com 80 (oitenta) vagas anuais e 40 (quarenta) por semestre e com duas entradas em cada ano letivo. Os conteúdos de formação serão apresentados em componentes curriculares com 30, 45, 60 horas/aulas semestrais. O curso funcionará na Unidade Acadêmica de Belo Jardim, e o Bacharelado em Engenharia de Computação será desenvolvido em 10 períodos (5 anos), totalizando 4.290horas horas/aula, permitindo-se um prazo máximo de 18 semestres para a conclusão do curso. Já o Tecnólogo em Redes de Computadores, será desenvolvido em 6 períodos (3 anos), totalizando 2.580 horas/aula, com um prazo máximo de 11 semestres para a conclusão do curso.

A organização curricular do curso de Engenharia de Computação permite que o aluno, uma vez ingressado no Bacharelado e após ter cumprido a carga horária 2.580h, obtenha o título de Tecnólogo em Redes de Computadores, considerando a matriz curricular específica. Para obtenção do título em Bacharel em Engenharia de Computação o aluno deverá cumprir uma carga horária total de 4.275h horas, não sendo obrigado a cumprir a carga horária de 165h do ESO do Tecnólogo. Neste caso, o estudante que interromper o bacharelado terá um prazo máximo de 2 (dois) anos para retornar à Instituição e concluir a segunda titulação.

A carga horária mínima do ESO será 165 (cento e sessenta e cinco) para tecnólogo e de 180 (cento e oitenta) horas para bacharel. Serão obrigatórios, ainda, o Projeto de Conclusão de Curso e o TCC, estes dois últimos, exclusivos para o Bacharelado.

 

METODOLOGIAS DO ENSINO E APRENDIZAGEM

O ensino híbrido representa uma quebra de paradigmas em direção a uma proposta de inovação mais alinhada com os avanços tecnológicos de uma sociedade pós-moderna. Pensar, portanto, o ensino híbrido significa organizar estratégias metodológicas utilizando atividades presenciais e a distância em plataformas on-line, empregando Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs), e off-line, nos momentos de interação com colegas e/ou com o professor/tutor.  Nessa perspectiva, seja presencialmente ou à distância, o estudante compartilha de espaços interativos e integrativos de aprendizagem. São exemplos de uma abordagem híbrida do ensino presentes no curso de Bacharelado em Engenharia Ambiental (BACICH; NETO; TREVISANI, 2015):

  • Sala de aula invertida;
  • Rotação por estações;
  • Laboratório rotacional;
  • Rotação individual.

O curso de Bacharelado em Engenharia de Computação oportunizará aos alunos o desenvolvimento de projetos interdisciplinares, no terceiro, quarto, quinto e sétimo períodos. Cada um dos componentes curriculares denominados de “Projetos Interdisciplinares” terá a carga horária total de 45h (tanto do Tecnólogo como Bacharel) e adotará a metodologia de aprendizagem baseada em projetos (Project Based Learning – PBL), que tem por base a investigação como ponto de partida para a aquisição e integração de novos conhecimentos. Ele valoriza os conhecimentos prévios dos alunos, estimula o desenvolvimento das competências transversais, favorecendo a capacidade crítica de análise e construção de soluções para as situações-problema (BARROWS, 1986).  Além disso, desenvolve a habilidade de saber avaliar as fontes utilizadas na investigação, bem como estimula o trabalho em equipe (SOUZA e DOURADO, 2015)

Turno: Manhã e Tarde

Duração: 5 anos

Vagas: 40 por semestre

Projeto Pedagógico do Curso

Nike Sneakers Store | Nike News